sexta-feira, 17 de fevereiro de 2006

Vadiagem

agostinhotv
Tem sido uma vadiagem ou um regabofe, como queiram chamar a estas noites em que este senhor me obriga a ficar acordada até às tantas, a ouvi-lo.
A ouvi-lo, com um prazer imenso.
Nasce-se de graça e tem de se viver de graça. Não faz sentido que seja de outra maneira. O homem não é um escravo. O homem tem de largar rapidamente a sua condição de escravo e assumir inteiramente a sua condição de poeta homem livre.
Mais nada!
Bravo, querido Professor!

3 comentários:

Kamikaze disse...

Ó Madalena,

Delicioso, não é?
Também tenho acompanhado.
Vi a entrevista feita pelo Herman e, ontem, creio eu, uma outra da responsabilidade do Miguel Esteves Cardoso. E a sua prosa filosófica, sobre o homem, Portugal e o mundo, flui com uma naturalidade e uma doçura... Um autêntico deleite!

Beijinhos... vadios!

Emilia disse...

E o programa de hoje na 2?
Delicioso!Lindo!
Um abraço,
Emília.

eduardo disse...

Bom dia, Madalena.

Tive pena de não poder acompanhar devido à hora tardia. Mas em Portugal é assim. O "lixo" em horário nobre, a Cultura e o Serviço Público só para quem pode.

Macacos me mordam se não vou descobrir maneira de reavê-lo.

Tem um bom fim de semana. A gente vai-se vendo por aí...

Beijokas