domingo, 10 de fevereiro de 2008

A dúzia e mais duas...

São doze, isto é, uma dúzia...
Diz-se que à dúzia é mais barato, mas todos sabemos que o barato sai caro, logo, à dúzia é necessariamente tudo mais caro.
Não são provérbios, nem laranjas, nem ovos... São palavras. Doze palavras é o desafio.
Quais são então as palavras que me dão a tal margem para o sonho, de que fala um autor português?
(Eu depois digo o autor!)
E porque tudo começa nos sentidos, é das que me acertam no alvo dos sentidos que eu vou escolher.
A palavra azul e a palavra verde porque me preenchem paisagens, com mar e céu, com montanhas e árvores. Ponho uma onda no mar e o vento a soprar e a vida mexe-se, movimenta-se.... E depois chega o sol e chega a água e o prazer demora-se na pele...
Quem diz mar, diz rio e adúzia está aviada!
Foi a Pitucha que me desafiou, porque ela sabe que eu gosto de desafios, mesmo quando fico com a sensação de ter ficado aquém e não além do expectado... E vão mais duas palavras que eu também gosto, mas já não cabem na bagagem!
Obrigada, Pitucha!

6 comentários:

Pitucha disse...

Sabes, eu também gosto das tuas palavras!
Beijos e obrigada por teres aceite o dasafio.
Beijos

Anónimo disse...

Pode não ter nada a ver com o assunto aqui tratado, mas porque a cultura é um “bem” importantíssimo a defender, convido-vos a participarem nos VI Jogos Florais de Avis, que já são uma referência no panorama cultural português. Sendo uma iniciativa da Amigos do Concelho de Aviz-Associação Cultural, o regulamento está disponível em www.aca.com.sapo.pt
Concorram e boa sorte.
Saudações culturais.
P’la ACA,
Fernando Máximo!

Laura Lara disse...

Tudo tão bem encadeado, Madalena!
Adorei.
Beijinhos

Alexandre disse...

De passagem, queria só deixar um beijo grande á "Madrinha" Madalena!

Um grande abraço ao Jorge!

Estou a ver se regresso, timidamente, por isso tinha de fazer a cortesia de vir a este local de culto!

Alexandre disse...

A acentuação do "à" saiu ao contrário... :)

125_azul disse...

Parece um colar de pérolas, uma idéia a colar na outra, tão redondinha. Beijinhos para todos na toca dos leões!