sexta-feira, 6 de agosto de 2004

Cruel lição de História (1945 - 6 de Agosto)

Foi lançada a Bomba Atómica sobre Hiroshima!

"A explosão libertou uma quantidade absurda de radiação e o mundo conheceu pela primeira vez a imagem do temido cogumelo atómico. Ao todo, morreram cerca de 300 mil pessoas em consequência directa do ataque. Quem não morreu queimado, esmagado ou pulverizado sofreu mais tarde com os efeitos da radiação - em geral, morte por cancro."


A fotografia mais triste do albúm da Humanidade!

Dois dias depois, Torga escrevia no seu Diário (Volume III):
"Em Hiroshima, onde a bomba atómica foi lançada, tudo quanto era vida, morreu. Por causa do fumo e da poeira que se levantaram, o mundo esteve de respiração suspensa, sem saber o que tinha acontecido. Mas hoje de manhã, os jornais, diligentes, já estavam senhores da realidade inteira. Não tinham morrido vinte, trinta ou quarenta mil, como era de temer. Para matar a ridicularia de quarenta mil pessoas não era necessário tanto sonho. Não, felizmente não se tratava de um desapontamento. Nem quarenta, enm sessenta, nem setenta mil mortos. isto só: todos os seres vivos liquidados!
A humanidade dobrou o jornal aliviada."

3 comentários:

molin disse...

Infelizmente o povo americano está a pagar por tudo isso. Infelizmente, também, a vergonha só vem depois. E quando não vem, acaba por ficar a estupidez de não reconhecer, ao menos, a vergonha do erro.

titas disse...

Uma vergonha que se repete mascarada de outras formas e motivações...

eduardo disse...

Triste data dessa histórica vergonha.