segunda-feira, 20 de março de 2006

They shoot horses, don't they?

ternura
Esta fotografia é da Teresa.
(espero que ela não se zangue com esta publicação!)
Fiquei rendida à ternura do cavalo e à tentativa de aproximação sem o mais leve sinal de agressividade ou violência. Já vai sendo raro entre os humanos, não vai?

6 comentários:

IO disse...

A Teresa não se zanga - é lindo, beijo, IO.

C.S.A. disse...

Vai aqui mesmo, ao pé deste magnífico bicho: beijos de fugida, Madalena.
Mas vou passando.

Pitucha disse...

Que giro!
Beijos

t-shelf disse...

ai que meiguinho! Já me plantaste um sorriso na cara para o resto do dis.... bjs maddy

Alexandre disse...

Está fabulosa esta fotografia Madalena, a isto é que se chama “captar o momento”!

O cavalo também ajuda, é lindíssimo! São animais muito ternos, sensíveis e tal como algumas pessoas, metem medo e respeito pelo tamanho mas no fundo, são doces, meigos e excelentes companhias!

Um beijinho e prometo que este não será o primeiro e último comentário!
Alexandre (Coimbra)

Madalena disse...

Para tranquilidade de todos, a Teresa não se zangou, como a IO tinha previsto. O Cê passou por aqui. Que bom! As primitas também e o Alexandre viu o cavalito e não resistiu. Beijinhos a todos e obrigada pela visita.