quinta-feira, 11 de maio de 2006

(...) (...)

Setecentos e trinta dias, novecentos e vinte e seis fatias de palavras saídas sabe-se lá de onde.
Nem eu própria pensei continuar por aqui tanto tempo. Completar os dois anos passou a ser um objectivo.
Agora terei de arranjar outro, porque até gosto de andar por aqui.
Os porquinhos foram fazendo tão boa companhia. Ao fim e ao cabo a ideia do meu pai, quando pintou os porquinhos nas paredes da enfermaria das crianças, era exactamente ajudar a curar a dor do momento.
Adoptei-os.
Trouxe-os para porteiros deste espaço que não pretendo tão inutilmente piegas nem lamuriento, como a aldeia que lhe deu o nome. Quero este Chora Que Logo Bebes um pouco mais alegre, mas sobretudo sincero. Andar espantado de existir é uma condição obrigatória para continuar a tentar sobreviver, não agarrado ao berço chorão e rabugento, mas devastando território, conquistando território na vasta Floresta Branca que faz fronteira.
porquitos do choraquelogobebes
Há dois anos comecei assim. Há um ano, celebrei assim.
Hoje, celebro com um agradecimento a todos os que pacientemente me acompanham nesta aventura. Mas há uma coisa: este espaço não é só meu. A Ana também tem culpa e tem quota. Metade, metade.
E tu, sobrinho Molin, desaparecido destas esferas também tens culpa porque me ensinaste tudo o que eu precisava saber, para fazer o que eu não sabia mesmo fazer.
Por agora, é tudo. Volto mais tarde, para pôr uma cantiguinha, quem sabe?

22 comentários:

dakidali disse...

Parabéns Madalena.
Continua que eu todos os dias faço questão de passar por aqui para acabar o meu dia mais rica.
Beijinhos

Laura Lara disse...

Madalena
Ainda bem que há dois anos saltaste o muro. Sem ti aqui, isto não tinha graça nenhuma.
Muitos parabéns e beijinhos sem fim

Eufigénio disse...

Muitos parabéns Madalena. Este espaço continua fiel a si mesmo. E isso não é assim tão fácil quando se ousa trazer a sinceridade para as palavras. Ainda bem que os porquinhos continuam a ter sentido aqui.

Alexandre disse...

Madalena, tem mesmo de continuar por aqui! Este blog é uma lufada de ar fresco todos os dias :)!

Nós, leitores, é que temos de agradecer por partilhar memórias e fotografias, histórias e episódios engraçados que nos deixam sempre com um sorriso nos lábios!

Obrigado, muitos Parabéns e venha de lá essa musiquinha!

Um beijinho,

Madalena disse...

Teresa, o que temos em comum levou a este encontro, certamente. Eu creio nisso.
Aliás isto também é verdade para ti Laura, mulher que eu admiro e em quem penso vezes sem conta por razões tão importantes como a da gestão da família.
Eufigénio, também me sinto muito próximo de ti, porque aprendi a conhecer-te através da tua própria escrita. A ti e aos teus, como tu sabes.
Alexandre, não é todos os dias que alguém pode dizer que tão tão perto os amigos dos filhos. Só falta tratares-me por tu. Vá lá, não custa nada!!! Somos dois bloguistas, ao fim e ao cabo. Somos "colegas" e ainda por cima amigos com extensões à família!!!
Beijinhos a todos e muito muito obrigada!

Pitucha disse...

Madalena
Parabéns! Dois anos é obra!
E agora é só continuar...dia a dia. Tornaremos a falar disto no ano que vem.
Beijos

IO disse...

1. PARABÉNS & OBRIGADA!!

2. Isso, VOLTA, que eu também! - Beijo do tamanho dos 3 porquinhos, IO.

molin disse...

Querida HIPER-Tia:

Também nós vamos crescendo com o passar do tempo e se tu já eras super quando te conheci, estás na fase de resvalar do hiper para o mega!

Dois anos que nem acredito que passaram. Tão depressas, minha querida. É verdade que ando afastado destas lides blogueiras, mas tu mereces que abro uma excepção (a única, diga-se!) para comemorar contigo estes dois anos.

Estás sempre no meu coração e com ele que vejo o essencial, tal como o Principezinho. Um beijinho grande do teu sobrinho, que te adora.

Já agora, dizias que ias voltar, quanto mais não fosse para colocar uma canção? Pois então eu deixo-te uma, que vais conhecer, com toda a certeza e que tem tudo a ver com o facto de ter vindo aqui deixar-te um (elevado a milhões) beijo(s).

Só o refrão:
You just called out my name
And you known wherever I am
I'll come running, to see you again

Winter, Spring, Summer or Fall
All you have to do is call
And I'll be there (Yes I will)
You've goy a friend

molin disse...

ERRATA: onde se lê «abro» deve ler-se «abra» e; onde se lê «...no meu coração e com ele...» deve ler-se «...no meu coração e é com ele...»

O resto, perdoem-me, são gralhas

Ni disse...

Parabéns Madalena!
E o meu obrigada pelos bons momentos que me tens proporcionado.
Um beijo especial pelo dia de hoje.

espumante disse...

Um beijo muito grande. Estou a correr. lLogo que "aterre" dou-te uns parabéns de jeito :)))
beijos, milhões

Anónimo disse...

Já dois anos Madalena?Parece que o tempo voa quando as coisas nos dão prazer!Mas o importante é que não acabe e que possamos continuar a usufruir da beleza das tuas palavras,do afecto das recordações e do bom-gosto das imagens.E eu que estive para não vir cá hoje?Decerto não me perdoaria não te ter felicitado!Muitos parabéns e continua.
Um grande beijinho
ana pereira

Emilia disse...

Madalena, ainda bem que aqui vim hoje! Olha se eu deixava passar este dia sem enviar um beijo e um abraço??? Era imperdoável e eu nunca mais me perdoaria a mim própria.
Parabéns!
Emília.

t-shelf disse...

Como o tempo passa.... sem se notar. Muitos parabéns tia maddy e não esmoreças se fazes favor, que o enfado blogosférico é passageiro. Beijinhos grandes

Madalena disse...

Grande festa que isto deu! Assim, sinto-me muito importante!!!!
Pitucha, se não fosse "isto" não te teria conhecido. E era mesmo uma pena porque tu "vales" a pena conhecer. A Ti também. Lá damos voltas e mais voltas e ,a volta, a Ti e eu temos uma amiga comum. E vai daí, fico com mais duas sobrinhas, para juntar ao lote que trouxe do Pastilhas de onde vem este sobrinho Molin, que eu também conheci ao vivo e a cores, isto é a verde, junto ao velho estádio de Alvalade. Já lá vão cinco ou seis anos Molin. Gosto de ser tua tia! E já disse publicamente que, se não fosses tu, ainda hoje não sabia sequer abrir um blog. Só mesmo a tua paciência de sobrinho.
Chuinguita, tu que tens um palácio escrito pelas tuas palavras lindas, vens todos os dias à modesta casinha desta tua amiga tocada pelas mesmas raízes. E eu fico orgulhosa, Senhora Escritora. E ainda por cima trazes contigo uma prima gentil e doce. Obrigada, querida Ni. Ter-te como comentadora há tanto tempo dá-me muita alegria! Ana, quem diria que seria através deste meio que havíamos de trocar tantas palavras e tantas ideias! Na próxima vez que a vida real nos juntar em almoço ou jantar temos que ficar mais perto. Deixo-te aqui um beijinho da tia Odete, que eu sei que te dá alegria. Emília e Espumante ou vice-versa, a ordem neste caso é tão pouco importante. Importante mesmo é saber que tenho desse lado alguém que partilha o mundo comigo. Emília, a ti não te conheço pessoalmente, mas um dia terá de ser. E ainda havemos de trabalhar no mesmo projecto!!!! Tenho esse sonho. E tu Espumante hás-de apresentar-me as guardiãs de outro sonho meu: o do regresso às tais origens que renasceram das cinzas aqui e muito por causa da tua filha.
Beijinhos para todos, todos.

IC disse...

Madalena, parabéns, muitos parabéns mesmo! E, com a minha ida agora ao teu começo, fiquei ainda muito mais com uma pergunta que me tenho feito, penso que não te importas que ta faça. És a Madalena que penso, isto é, conhecemo-nos de há muito tempo?? O meu nome está no meu perfil, Isabel Campeão... Posso estar enganada, se estiver, decerto me desculpas a pergunta, pois tens o nome de uma colega e amiga que recordo com muita saudade.
Mas, mesmo que esteja enganada, gosto muito do que escreves e colocas aqui.
Beijinhos.

Xana disse...

Muitos parabéns Madalena. Aproveito e "musico" o refrão deixado acima pelo teu sobrinho: You've got a friend

Janeca disse...

Muitos Parabéns para o inspirador blog da minha "madrinha" da blogosfera. Sempre que posso venho ler os teus maravilhosos textos e quando saio deste espaço "de excelência" vou sempre mais bem disposto.

João

Janeca disse...

Por falar em musiquinhas, já consegui pôr uma no meu blog. É fácil e barato e sempre anima um pouco.

Madalena disse...

Isabel, obrigada eu! Se calhar já nos conhecemos ou já nos cruzámos por aí. Mesmo que assim não seja, as ideias que temos trocado são uma base para um conhecimento cada vez mais profundo. Xana, a ti não te conehço. És a única dessa casa que eu não conheço. Não vale!!!!!
João, tu aprendes muito mais depressa do que eu e o meu "ego" aumenta com as tuas palavras. Se soubesses o que eu te admiro pelas razões da vida real!!!! Um dia havemos de conversar sobre isso. Um beijinho para todos e para a Patrícia também, que o João dará!!!!

IO disse...

És um doce, Madalena! - beijo de bom fds!!, IO.

Carlota disse...

Muitos parabéns, Madalena!
E as minhas desculpas pelo atraso.
Beijola grande.