terça-feira, 18 de julho de 2006

Eighty- eight

Nelson Mandela completa hoje 88 anos.

"I have fought against white domination, and I have fought against black domination. I have cherished the ideal of a democratic and free society in which all persons will live together in harmony with equal opportunities. It is an ideal which I hope to live for, and to see realised. But my Lord, if needs be, it is an ideal for which I am prepared to die."
Obrigada pela lição de ideal!
Este é um Homem que a História lembrará e eu orgulho-me de ter vivido o dia em que assiti, pela televisão, claro!, mas, de qualquer modo assisti à libertação de Nelson Mandela. Digo mal, quando digo "libertação" pois Nelson Mandela foi, mesmo em cativeiro, um homem livre e a sua vida inteira tem sido disso um verdadeiro testemunho! Como é bem evidente neste depoimento proferido no seu julgamento em 1964 e repetido 27 anos depois, depois de se terme aberto os portões que fisicamente o separavam do mundo.
Nunca conseguiram prender-lhe o pensamento nem o ideal pelo qual se dispôs a viver e, se necessário, a morrer.

7 comentários:

dakidali disse...

Obrigado pelo sentido de Liberdade e Igualdade.

Ni disse...

Que bela idade e que bela reportagem!
E já agora que belo dia para nascer!!!Lol.
Fica aqui um abraço de Parabéns,um abraço sim,que Homens como ele têm de ser abraçados.
Um abraço também para ti Mad,pois é que também há mulheres que merecem ser abraçadas.
Mil beijinhos.

luis manuel disse...

Perfeitamente adequada - a Lusofonia, aqui neste espaço, onde quem chora - logo bebe, feliz por andar espantado de existir.
É que cada vez mais é dificil "existir" ou resistir ás maldades do Mundo - que é feito por todos nós!
E este Homem resistiu. Soube existir entre aqueles que o aprisionavam.
Não podemos ignorar a importância da Fundação Calouste Gulbenkian.
Apoio á inovação, á aprendizagem, á cultura...
Não sabia que Agostinho Neto escrevia.
Regresso a "Dez anos...." e á união de povos, raças e gerações. Á Lusofonia... "ou quinhentos" !

Um grande abraço

IO disse...

LONG LIVE NELSON MANDELA!!, IO.

125_azul disse...

Ele tem o número mágico e sagrado dos chineses, e em dobro! O nº da sorte, o que não começa nem acaba... E este é um homem feliz e em paz e livre, livre... Felizes de nós que trilhamos uma parte da história em que ele foi protagonista! Beijinos

Pedro Ferreira, Visconde de Cunhaú disse...

Só receio o dia em que esse senhor morrer! Será que todos os ódios raciais irão explodir e destruir a viablidade de um país florescente?

Anónimo disse...

That's a great story. Waiting for more. »