terça-feira, 22 de agosto de 2006

(...)

pôr do sol em alb
As vezes que eu tento apanhar a beleza inteira deste instante!
Fico sempre muito aquém da magia dos tons de ouro que o sol derrama, ao mesmo tempo que colhe a luz do dia.
Ainda não é noite, mas já não é dia. Os "entretantos" são sempre molas de sensações únicas e intensas.
Vou continuar a tentar, mas duvido que consiga chegar mais além!!!!
Boa noite!
Quando eu era quase criança, quase jovem (um "entretanto" da idade!) ouvia o RCM até ao fim. Sim, nesse tempo havia fim de emissão. E o fim da emissão era preenchido com uma mensagem de boa noite, bem triste por sinal, mas que faz sentido para quem a noite traz o silêncio, o recolhimento e, quem sabe?, o sono!!!!

1 comentário:

IO disse...

Nunca tinha pensado nesta fotografia de fim do dia como sendo triste, mas presta-se à metáfora - beijo grande para ti, IO.