sábado, 7 de julho de 2007

As novas maravilhas

A primeira nova maravilha, anunciada por um homem que maravilhou a minha geração: Neil Armstrong.
A Grande Muralha da China!

6 comentários:

Carraça disse...

Olá Madalena há muito que não a visito...

Um dia hei-de conhecer a Grande Muralha da China!

Bjs

luluizi disse...

Grande Muralha, tentando travar os que chegavam! Dei por mim a pensar que aspecto terá de ter hoje a muralha contra a invasão devastadora e omnipresente do pensamento único, do sempre igual (fingido diferente); do obrigatório (travestido de voluntário); do que é imposto de fora ( mascarado de desejo interior). Seremos nós capazes de construir essa muralha, mesmo que seja só para nosso solitário refúgio?

IO disse...

Também me emocionou (re)ver o Neil - o resto li no jornal. Beijão, Madalena, IO.

Pitucha disse...

Esta já visitei! Impressiona mesmo.
Beijos

Teresa Leite disse...

Gostava de visitar a China, mas já não tenho pedalada para tanto (não sou o Mário Soares). O sortudo do Johny Walker já viu o Templo de Petra e o Coliseu de Roma. Cá me vou contentando com o Moinho de Maré e a Igreja do Espírito Santo.

André Sousa disse...

Olá Madalena

Já lá estive com a minha mulher! E posso dizer-te que é mesmo uma marvilha de perder de vista! Que saudades da China...