segunda-feira, 1 de março de 2010

"links" ou "nonsense"

Há coisas assim: olha-se e ouve-se; olha-se e vê-se.
Esta imagem, recolhida pela minha "cusquice" há já algum tempo, trouxe-me hoje à ideia a cantiga do Jorge Palma. Encosta-te a mim, nós já vivemos cem mil anos. Não sei se as bicicletas se namoram, se são casadas ou vivem juntas. Não sei. Mas sei que passam os dias encostados à mesma balaustrada da vida da terra, quase mesmo a mergulhar na vida do rio. Por sinal, tranquilo. Nada das ondas furiosas que tenho visto nos últimos dias. Nada de águas alterosas, como ouço na previsão do tempo.
E ali ficam, todo o dia, todos os dias. Se calha passar por ali a cantiga do Jorge Palma, são bem capazes de trocar outros entendimentos.
Tudo o que eu vi,
estou a partilhar contigo
o que não vivi, hei-de inventar contigo
sei que não sei, às vezes entender o teu olhar
mas quero-te bem, encosta-te a mim
.

Não sei porquê, mas sempre que as vejo, imagino-as a namorar...
Talvez seja do lugar, que a isso convida. Perguntem à árvore que ali está e que deve saber tudo de tudo.
(Sonhei que sabia voar! É isso e duas bicicletas apaixonadas!)

10 comentários:

Gatapininha disse...

Oi Madalena
Eu cá acho que as tuas bicicletas estão amuadas, uma à frente e outra atrás, não sei não...

jokas

Isabel Preto disse...

Só tu, para usares essa comparação com a vida! Realmente, essa calma e paz de enamorados seria o ideal de vida de toda a gente.
Beijinhos

Anónimo disse...

E ainda dizem que uma imagem vale mais que mil palavras...aqui estão as palavras certas, para uma imagem que as completa.
Beijinhos Madalena e uma boa semana
MDores

Graça Pereira disse...

Carregaram o amor...então, também cansa...descansaram algures por ali.
Acredito que a dona árvore saiba de alguma coisa mas é fiel,conivente e não vai dizer nada...
Gostei desta tua alegoria.
Beijinhos e boa semana.
Graça

Natália disse...

Lindo
Boa observadora,e romântica,quem sabe o que elas nos contariam se falassem.
Tens a certeza que não viste mais nada que não queiras contar?
beijinhos e boa semana

Janine disse...

Olá Madalena,
Eu já andei a namorar este blogue e hoje decidi deixar um comentário... É realmente tão bom ler sentimentos, sonhos, imaginários... Faz-nos sonhar... E a letra da música do Jorge Palma adocica o momento da leitura... Um beijinho grande, virei mais vezes...
A escrita por aqui é arte... Parabéns!

TeresaM disse...

fico assim...parada, a mirar as bicicletas, a adivinhar a doçura do namoro e o olhar complacente do rio e da velha árvore. Ao fundo oiço Jorge Palma, um quadro perfeito que nos faz perder para o esquecimento. Como diz a Janine, aqui a escrita é arte!
Um xi

CMP disse...

Adorei Formiguinha. Adorei!

continuando assim... disse...

convite para seguir a história de Alice, lá no
--- continuando assim... ---

ainda vai no início...:)

bj
teresa

XEKINZINHO disse...

Olá amiga.

Feliz fim de semana pra si e família.

Beijinhos.