terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Oh My Papa!

A música do Eddie Fisher é sem dúvida a banda sonora mais acertada para a saudade que passa, em pano de fundo, nos nossos dias.
Todos os dias recordo os teus ensinamentos de vida, sobretudo naqueles dias em que essa tal vida me dói mais. Vou tentando passar aos meus filhos esse património de sabedoria que me deixaste.
Que pena eu não saber praticá-la!

4 comentários:

Janine disse...

Um beijinho enorme, querida Madalena!

IsaLenca disse...

Beijinhos.

Graça Pereira disse...

Ele, teu querido pai, sentirá, onde estiver ,esta saudade e carinho que nunca se apagarão.
Adoro esta música e durante o filme, fui um mar de lágrimas.
Beijo carinhoso.
Graça

eduardo disse...

O último parágrafo está incorrecto. Mas o melhor mesmo desta lembrança que partilhas são as semelhanças com o meu. Diria mesmo que se os meus netos vissem esta foto apontavam logo: "Olha o bisavô!!!"

Coisas da vida extraordinárias.

Agora vou tentar ouvir o Fischer para completar o raciocínio. E num àparte muito pessoal, não é só aos filhos que passas o "património". Também contagias os amigos e os teus alunos. Lembra-te disso. Ele, esteja onde estiver, orgulha-se de ti. miúda!

Beijinho e abraço aí p'ra casa. Respectivamente.