segunda-feira, 11 de julho de 2005

Portugal tem...

Belos caminhos, onde o cansaço da viagem se dilui...

Clipboard01

Uns "pinheiros altos" que se agitam no poema de Gedeão e se recortam nuns céus de azul e oiro, num fim de calor e de dia...

sunsetroad

Muralhas que guardam as vilas, as aldeias e as cidades...

muros

Passados e presentes que se harmonizam numa só paisagem...

aqued

Um património mundial da humanidade...

diana 2

(Reportagem para o bló de uma ida a Évora. Dá-se informação preciosa: como ir ao cinema duas vezes, por se ter poupado quatro Euros, por viagem, nas portagens!)

2 comentários:

Teresa Leite disse...

Já vi que andaste no passeio, por Évora, cidade linda e bem conservada, com excepção para o café "Arcada" transformado em mais um "franshising". Incrível, como é possível!
Quanto à poupança, creio que em vez de seguirmos a auto-estrada, que nos leva quase a Setúbal, vamos por Pegões, passamos a estrada coberta pelos frondosos pinheiros, observamos o Fontanário de Pegões (coitado, ficou lá no fundo desde que arranjaram a estrada) e entramos mais à frente. Já agora podes parar na Adega Cooperativa e adquirir umas garrafitas - Fontanário Reserva e Vale da Judia, branco e tinto. O branco tem que estar muito gelado, mas é uma delícia. Assim já não vais ao cinema, mas apuras as tuas papilas gustativas e elevas as tuas preces a Baco.

Anónimo disse...

Évora é linda,como aliás muitas cidades e vilas alentejanas.Se vieste pela estrada velha,não paraste em Vendas Novas para comer as célebres bifanas?Faz parte da viagem...
beijinhos
ana