quarta-feira, 13 de dezembro de 2006

Boas surpresas da TV

O MEC, ontem à noite, foi uma boa surpresa que a TV me pregou.
"Expliquemo-nos" uns aos outros! O MEC conduz o nosso ego como se o percurso fosse o de uma montanha russa. Põe o português típico, médio, o português em geral, nos píncaros, para logo em seguida deixar cair a carruagem em queda livre. Quase a roçar o chão, o MEC acciona o mecanismo que evita o estatelamento absoluto do ego verde e vermelho.O efeito é o pretendido, suponho: pôr-nos a pensar!
Por mim, fiquei sobretudo a digerir a ideia de induzir o vício da leitura e da escrita, desde idades muito precoces, sobretudo porque a leitura nos vai valer na solidão, no desgosto, na velhice...
Fica também, para acalmar as "mazelas" provocadas pela queda abrupta, um poema de Leonard Cohen:"The sweetest little song"

You go your way
I'll go your way too


Este pequeno poema representa, de acordo com a Sra Esteves Cardoso, o desejo da mulher.
Como ela apenas identificou e não deu mais explicações sobre as duas linhas do poema ou sobre o desejo feminino, ficamos nós também sem saber. Mas a pensar e isso é que é importante. Raramente a TV me põe a pensar mais do que cinco minutos para além do fim de um qualquer programa!

3 comentários:

Laura Lara disse...

Quando liguei a 2, já o Miguel Esteves Cardoso estava quase a acabar o programa. Tive pena.
Beijinhos

t-shelf disse...

Pois eu também fui vencida pelo sono e não vi... bjs

Pitucha disse...

Eu nem sei se passou ou passará na RTPi!
Mas, pelo que dizes, fiquei com pena de não ter visto!
Beijos